8 de janeiro de 2015

Melancholy (Joker's Wrath MC #2)


Nunca houve um tempo que eu me importei com algo mais do que o meu clube. Hoje tudo isso mudou. Hoje eu tenho você.’ 

Para compreender verdadeiramente a história; você precisa começar desde o início, mas para começar desde o princípio; você tem que voltar, ainda mais do que apenas você. Afinal, nossas histórias não começam com a gente, não é? Nossas histórias começam com a pessoa antes de nós, e com a pessoa antes delas. Fomos criados a partir das histórias dessas pessoas - a partir de seus erros, de suas conquistas, de seu amor e ódio. 
A história de ninguém é sempre verdadeira e própria. 
Eu tentei criar a minha própria história, o meu próprio caminho, e minhas próprias ações. Eu vi coisas que as pessoas só veem em seus piores pesadelos, mas eu nunca deixo isso me abater. Eu nunca deixo de ser quem eu sou. Eu me levanto e eu continuo. É assim o que eu sou. 
Não havia porque analisar o que poderia ser. 
‘Poderia ser’ não importava. 
Até que Maddox entrou em cena. Ele salvou minha vida. Ele mudou meu mundo; me deu a segunda chance que algum de nós só sonham. Só havia uma coisa que faltava na minha segunda chance, e ela era a razão pela qual eu lutei tanto para sobreviver. 
Minha irmã. 
Minha irmã, que supostamente estava morta, bem, pelo menos, é o que eu pensava. 
Isso é o que ele me disse. 
Agora é que a minha história muda, mas para entender essa história, você tem que começar pelo começo... onde tudo começou... e antes.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Seu Blog · Design por Alves Alvin · Todos os direitos reservados - Copyright © 2014 · Tecnologia do Blogger